Comunidades, fotos, notícias,
vídeos e muito mais
Buscar
Mais Mais »
#AQUADRILHA
Hashtag criada por Beth Muniz
Popularidade 0 pontos
Publicações nesta hashtag
Beth Muniz Elite
As entidades do Fórum Nacional das Carreiras de Estado (Fonacate), em torno de preparativos para barrar a votação da proposta (PEC 287/2016) de reforma da Previdência. Pesquisa do Sindicato dos Servidores do Poder Legislativo Federal e do Tribunal de Contas da União (Sindilegis, #SeVotarNãoVolta) constatou que, entre os 513 deputados federais, declaradamente, somente 35 são a favor das mudanças nas aposentadorias; 205 são contra; e 273 estão indecisos. “Não sabemos se o Executivo tem alguma arma secreta com banqueiros e empresários. Na prática, ele será derrotado”, explicou Petrus Elesbão, presidente do Sindilegis.
Beth Muniz Elite
Jefferson defende a nomeação da filha, deputada Cristiane Brasil (PTB/RJ), indicada a ministra do Trabalho pelo presidente ilegítimo Michel Temer. Impedida de assumir o cargo pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ), Cristiane Brasil foi condenada a pagar R$ 60 mil em indenização trabalhista a um ex-motorista.
Beth Muniz Elite
Meus ouvidos custaram a identificar o significado da palavra Asfralto pronunciada por uma senhorinha. Senhorinha por sinal, muito elegante e bem articulada nas palavras, que falava ao telefone com uma amiga no ponto de ônibus, enquanto esperava o buzão para o Sol Nascente e/ou Pôr do Sol, Cidades do Distrito Federal.

Pôr do Sol e Sol Nascente são a mais nova marca do abandono das pessoas no DF. Marca aliás, Internacional. Estão à frente da famosa Rocinha, no Rio de Janeiro, que conta com 69.161 habitantes. De acordo com as informações do governo local, as duas favelas juntas somam mais de 120 mil habitantes. Isso tudo bem pertinho do Palácio do Jaburu onde se negociam desde 2014, malas de dinheiro e compras de votos para a permanência no Poder.

Voltemos a nossa personagem:
Beth Muniz Elite
Maluf entrou no carro sem ajuda e saiu de bengala
Ele é malandro até na hora de ir em cana...
Beth Muniz Elite
Agora ocupa a vice-liderança da lista do “top 10” das piores taxas de juros reais do mundo. Só está pior que a Turquia, que ainda figura em primeiro. Vejamos os números. Para comparação, as taxas entre parênteses são as do mês de agosto de 2017.

Turquia 5,87% (3,93%).
BRASIL 4,30% (3,71%)
Rússia 4,18% (4,59%).
Argentina 3,00% (0,36%).
Indonésia 2,26% (3,36%).
China 2,00% (1,45%).
México 1,61% (1,43%).
Índia 1,54% (1,39%).
África do Sul 1,46% (0,86%).
Colômbia 0.84% (2,06%)
GRAÇA VIEIRA
Para mim, Barroso é muito pior do que Gilmáfia, é um hipócrita! Gilmáfia mostra a cara e diz logo ao que vem.
“Vamos fazer assim porque o Dr. Janot quer”, provocou Gilmar Mendes, em referência ao ex-procurador-geral da República, Rodrigo Janot, responsável pelo acordo. “E viu do que que se tratava, do grande tipo de patifaria que se tratava. Grande erro aquele. Portanto o populismo criminal judicial é responsável por esse tipo de assanhamento e de erros graves que nós temos cometido”, concluiu.

Barroso interveio em seguida, negando haver uma “investigação irresponsável” na Lava Jato. “Eu gostaria de dizer que eu ouvi o áudio ‘Tem que manter isso aí viu’. Eu quero dizer que eu vi a fita, eu vi a mala de dinheiro, eu vi a corridinha na televisão. Eu li o depoimento de Youssef, eu li o depoimento de Funaro. Portanto nós vivemos uma tragédia brasileira, a tragédia da corrupção que se espalhou de alto a baixo sem cerimônia”, afirmou.
Beth Muniz Elite
Paulo Henrique Amorim (PHA): Eu sou vítima de dezenas de processos judiciais. Até hoje a minha vista alcança sou o jornalista político que mais tem processos judiciais no país. Eu constatei, ao longo de uma carreira de quase 30 anos de militância, me defendendo na Justiça, que na prática existe uma deformação estrutural no sistema de Justiça no Brasil, que faz com que ao fim e ao cabo, os poderosos manipulam a Justiça de tal forma que conseguem punir quem usa da liberdade de expressão.

Eu utilizei sobretudo o exemplo das ações que eu sofro de um poderoso do campo político, que é o ministro do Supremo tribunal Federal, Gilmar Mendes, e um poderoso do campo empresarial, que é o banqueiro Daniel Dantas. Eu percebi que essa deformação faz com que a própria Constituição acabe sendo interpretada de forma contrária à liberdade de expressão e resolvi entrar na Comissão de Direitos Humanos da OEA para obrigar o governo brasileiro a mudar a lei de tal maneira que ela proteja a liberdade de expressão.
Beth Muniz Elite
“Vamos fazer assim porque o Dr. Janot quer”, provocou Gilmar Mendes, em referência ao ex-procurador-geral da República, Rodrigo Janot, responsável pelo acordo. “E viu do que que se tratava, do grande tipo de patifaria que se tratava. Grande erro aquele. Portanto o populismo criminal judicial é responsável por esse tipo de assanhamento e de erros graves que nós temos cometido”, concluiu.

Barroso interveio em seguida, negando haver uma “investigação irresponsável” na Lava Jato. “Eu gostaria de dizer que eu ouvi o áudio ‘Tem que manter isso aí viu’. Eu quero dizer que eu vi a fita, eu vi a mala de dinheiro, eu vi a corridinha na televisão. Eu li o depoimento de Youssef, eu li o depoimento de Funaro. Portanto nós vivemos uma tragédia brasileira, a tragédia da corrupção que se espalhou de alto a baixo sem cerimônia”, afirmou.
Beth Muniz Elite
Não houve vazamentos para o New York Times, que poderiam facilitar a defesa dos ainda não investigados ou dos que estão em investigação.

Os promotores do caso Fifagate, em Nova York, que dependem de um júri para condenar — ou não –, acabaram dando uma aula involuntária à turma da Lava Jato, que condena na imprensa.

Os brasileiros, incluindo aí o juiz Moro, da boca para fora dizem ter como modelo… os Estados Unidos.

O fato é que a promotoria apresentou PRIMEIRO aos jurados delações, fotos, gravações e o caminho do dinheiro que abasteceu os cartolas acusados, dentre os quais o ex-presidente da CBF, José Maria Marin, que — sempre segundo a acusação — recebeu parte da propina através da empresa Firelli, baseada em Miami. Ele nega.

O resultado do julgamento é incerto — e deveria ser assim.
Beth Muniz Elite
Segundo o secretário-adjunto de Relações Internacionais da CUT, Ariovaldo de Camargo, a orientação é pressionar os deputados a não votar. “Vamos continuar com a pressão. Quem votar não vai voltar, não será reeleito deputado. Vamos denunciar nas bases, nos aeroportos, enquanto o Congresso estiver funcionando.” Segundo ele, serão realizadas manifestações em capitais, para pressionar parlamentares que voltam às bases para as festas de final de ano.

O adiamento da deliberação pelo plenário da Câmara, que mostra um claro recuo do governo, é uma vitória apenas parcial, diz Camargo. O Planalto trabalhou durante meses para aprovar a reforma ainda em 2017. “As manifestações e mobilizações impõem dificuldades para o governo colocar em votação. Em fevereiro, o processo eleitoral vai estar em curso e terão mais dificuldade. Até lá temos a tarefa de manter o máximo da unidade possível.

Unidade das centrais e de classe. Toda a classe trabalhadora tem que estar mobilizada e unida”, acrescenta Camargo.
Beth Muniz Elite
Como parte da organização e mobilização contra a reforma da Previdência, o presidente da CUT Vagner Freitas foi a Brasília nesta quarta-feira (29) para uma reunião das centrais sindicais com o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), para exigir a retirada imediata da nova proposta de reforma Previdenciária da pauta da Câmara.

Vagner lembra que são necessários 308 votos dos 513 deputados para a aprovação de uma emenda à Constituição. “Com pressão, paralisação e mobilizações, os trabalhadores têm condições de reverter este cenário e impedir que eles votem esta reforma”, defende o presidente da CUT, lembrando que 2018 é ano de eleições e todos querem se reeleger.

O site Na Pressão possibilita enviar, de uma só vez, e-mail para todos os parlamentares indecisos ou a favor do governo do ilegítimo Temer pelo link "Ativar Ultra Pressão". Ao clicar na foto individual do parlamentar, é possível acessar informações completas do deputado, como partido, estado e até mesmo contato para envio de mensagens por meio do whatsapp.

Acesse o site e saiba como pressionar os deputados.
Beth Muniz Elite
O que é?

O site NA PRESSÃO é uma ferramenta que permite enviar e-mails ou contatar pelas redes sociais ou por telefone parlamentares, juízes, ministros ou qualquer outra autoridade ou representante do povo.

O NA PRESSÃO está organizado em campanhas, que podem ser dirigidas aos membros de quaisquer instâncias do Legislativo (Câmara dos Deputados, Senado Federal, Assembleias Legislativas, Câmaras de Vereadores), membros de tribunais do Judiciário, ou ocupantes de posições no Executivo, sejam representantes eleitos (presidente, governadores ou prefeitos) ou seus representantes (ministros e secretários).

As campanhas do NA PRESSÃO têm sempre um tema determinado e organizam um conjunto de representantes a serem pressionadospara que decidam a favor de trabalhadores e trabalhadoras e da maioria da sociedade.

Como funciona

Para cada campanha, o NA PRESSÃO reúne as informações de cadastro das autoridades a serem pressionadas e organiza a página própria de cada tema. Ao entrar numa campanha, a pessoa interessada pode enviar de uma só vez e-mails para todos os representantes (ULTRA PRESSÃO) ou pode entrar no cadastro dos representantes ou separar um conjunto deles por meio dos filtros.

No cadastro de cada autoridade vai ser disponibilizado, além do email, o telefone oficial, o canal de Facebook e, quando possível, o número celular para acesso pro redes do tipo Whatsapp ou Telegram.

Gestão e parcerias

O projeto NA PRESSÃO foi desenvolvido pela Secretaria de Comunicação da CUT (Central Única dos Trabalhadores) para ser usado nas principais campanhas da entidade junto aos sindicatos e militantes de sua base, bem como nas iniciativas dirigidas a todos os trabalhadores e trabalhadoras e da sociedade.

O NA PRESSÃO está disponível para todos os sindicatos, entidades e movimentos sociais parceiros, podendo ser usado em campanhas específicas dirigidas a instâncias regionais ou locais dos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário.
Beth Muniz Elite
“Não há dúvida de que existe um planejamento para atacar as universidades. A gente não sabe ainda até que ponto esse planejamento é consubstanciado em provas de uma série de crimes dentro da universidade ou é um planejamento para destruir a universidade”, diz Lédio Rosa de Andrade, em entrevista ao Sul21.

“Aliás”, acrescenta o desembargador, “a gente não sabe nem o que é a Lava Jato mesmo. Temos apenas hipóteses. O que se sabe é que há processos muito bem estruturados pela Polícia Federal para atacar a universidade”.
Beth Muniz Elite
Só um em cada dez colégios com as maiores médias por escolas no Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) de 2016 são públicos. E quase todos são federais, técnicos ou de aplicação.

A Folha tabulou os resultados do Enem 2016 a partir da base de dados divulgada pelo MEC (Ministério da Educação). O governo deixou de apresentar os resultados por escola neste ano.
Cid Vasconcelos
Infelizmente o nível de desmobilização política nossa é sofrível em relação ao dos países hispânicos. houvesse ocorrido isso em um país latino de língua hispânica e o povo teria ido para as ruas e feito o escarcéu. aqui toda a repercussão se deu em termos de abaixo assinados solidários de inúmeras entidades, reação interessante, mas muito ínfima, em termos de alcance maior de público. Tem-se que se tentar jogar com a mesma moeda do sensacionalismo midiático ou então estaremos fadados a seguirmos a mesma trilha do que se deu na visível inconstitucionalidade do processo de impeachment. a cantilena é a mesma, vinculada à corrupção, resta saber quanto o judiciário vai olhar o próprio buraco mais embaixo da corrupção que existe nele e deixar de ser um aparato político nas mãos das forças reacionário-autoritárias desse país.
Cid Vasconcelos
Sem dúvida alguma estamos vivendo um período de exceção em relação aos direitos democráticos. Para que conduzir um grupo de profissionais de uma universidade pública por condução coercitiva com intimidadores representantes da nossa tragicômica Polícia Federal travestidos como em operação de guerra? A única resposta é o show midiático que possibite futuramente o avanço no desmantelamento da universidade pública.
Clovis Sena
tem que fazer pressao para aprovar a tal lei Cancelier contra abuso de autoridades

senão as retaliações so vão piorar
Porque condução coercitiva? Porque um aparato policial tão exagerado, mais de cem policiais na condução de oito servidores/as da UFMG. Porque não permitir que reitores, vice-reitores e uma servidora levados coercitivamente pudessem ser acompanhados de seus advogados?

Logo pela manhã deste dia 06/12/17, a presidenta da CUT Minas Gerais e coordenadora-geral do Sind-UTE/MG, Beatriz Cerqueira, em manifestação nas redes sociais fazia questionamento e se manifestava:

“Nem é possível dizer bom dia em Minas Gerais hoje. O fascismo cresce quando ficamos calados! Nós não ficaremos calados! A UFMG sofre o mesmo ataque que a Universidade de Santa Catarina sofreu! Nossos reitores foram levados coercitivamente no início desta manhã, daqui a pouco uma entrevista coletiva tornará tudo um “espetáculo” de promoção pessoal dos agentes que estão atuando nisso, poucas perguntas serão feitas pela mídia comercial, as pessoas serão condenadas, antes sequer de serem acusadas e julgadas. Não haverá o contraditório! Nós faremos o contraditório!
Beth Muniz Elite
Porque condução coercitiva? Porque um aparato policial tão exagerado, mais de cem policiais na condução de oito servidores/as da UFMG. Porque não permitir que reitores, vice-reitores e uma servidora levados coercitivamente pudessem ser acompanhados de seus advogados?

Logo pela manhã deste dia 06/12/17, a presidenta da CUT Minas Gerais e coordenadora-geral do Sind-UTE/MG, Beatriz Cerqueira, em manifestação nas redes sociais fazia questionamento e se manifestava:

“Nem é possível dizer bom dia em Minas Gerais hoje. O fascismo cresce quando ficamos calados! Nós não ficaremos calados! A UFMG sofre o mesmo ataque que a Universidade de Santa Catarina sofreu! Nossos reitores foram levados coercitivamente no início desta manhã, daqui a pouco uma entrevista coletiva tornará tudo um “espetáculo” de promoção pessoal dos agentes que estão atuando nisso, poucas perguntas serão feitas pela mídia comercial, as pessoas serão condenadas, antes sequer de serem acusadas e julgadas. Não haverá o contraditório! Nós faremos o contraditório!
Beth Muniz Elite
Porque condução coercitiva? Porque um aparato policial tão exagerado, mais de cem policiais na condução de oito servidores/as da UFMG. Porque não permitir que reitores, vice-reitores e uma servidora levados coercitivamente pudessem ser acompanhados de seus advogados?

Logo pela manhã deste dia 06/12/17, a presidenta da CUT Minas Gerais e coordenadora-geral do Sind-UTE/MG, Beatriz Cerqueira, em manifestação nas redes sociais fazia questionamento e se manifestava:

“Nem é possível dizer bom dia em Minas Gerais hoje. O fascismo cresce quando ficamos calados! Nós não ficaremos calados! A UFMG sofre o mesmo ataque que a Universidade de Santa Catarina sofreu! Nossos reitores foram levados coercitivamente no início desta manhã, daqui a pouco uma entrevista coletiva tornará tudo um “espetáculo” de promoção pessoal dos agentes que estão atuando nisso, poucas perguntas serão feitas pela mídia comercial, as pessoas serão condenadas, antes sequer de serem acusadas e julgadas. Não haverá o contraditório! Nós faremos o contraditório!
Beth Muniz Elite
Essa canção foi e permanece sendo, na memória coletiva do país, um hino à liberdade e à luta pela retomada do processo democrático. Não autorizo, politicamente, o uso dessa canção por quem trai seu desejo fundamental.

Resta ainda um ponto. Há indícios que me levam a ver nessas medidas violentas um ato de ataque à universidade pública.

Isso, num momento em que a Universidade Estadual do Rio de Janeiro, estado onde moro, definha por conta de crimes cometidos por gestores públicos, e o ensino superior gratuito sofre ataques de grandes instituições (alinhadas a uma visão mais plutocrata do que democrática).

Fica aqui portanto também a minha defesa veemente da universidade pública, espaço fundamental para a promoção de igualdades na sociedade brasileira. É essa a esperança equilibrista que tem que continuar.

João Bosco
07/12/2017
Beth Muniz Elite
Essa canção foi e permanece sendo, na memória coletiva do país, um hino à liberdade e à luta pela retomada do processo democrático. Não autorizo, politicamente, o uso dessa canção por quem trai seu desejo fundamental.

Resta ainda um ponto. Há indícios que me levam a ver nessas medidas violentas um ato de ataque à universidade pública.

Isso, num momento em que a Universidade Estadual do Rio de Janeiro, estado onde moro, definha por conta de crimes cometidos por gestores públicos, e o ensino superior gratuito sofre ataques de grandes instituições (alinhadas a uma visão mais plutocrata do que democrática).

Fica aqui portanto também a minha defesa veemente da universidade pública, espaço fundamental para a promoção de igualdades na sociedade brasileira. É essa a esperança equilibrista que tem que continuar.

João Bosco
07/12/2017
Beth Muniz Elite
O título desse post traduz de forma cabal o conteúdo do arrazoado e da sentença da Exma. Sra. Juiza, proferida em data de ontem. O Ministro Gilmar Mendes, há tantos anos militando no STF, ocupando várias funções (atualmente presidente do TSE), deveria ter mais domínio sobre seus rompantes de justiceiro. Pelo visto considera-se uma figura mítica, lendária, inatingível, o que os fatos estão provando que ele não é. Está na hora de ele aceitar essa condição e curar suas feridas, causadas pelas críticas feitas à sua atuação no STF, sem tentar obter indenizações que não lhe cabem, uma vez que nenhum dano sofreu, além de alguns arranhões em seu ego (Super Ego), resultantes das críticas que recebe constantemente.
Beth Muniz Elite
O título desse post traduz de forma cabal o conteúdo do arrazoado e da sentença da Exma. Sra. Juiza, proferida em data de ontem. O Ministro Gilmar Mendes, há tantos anos militando no STF, ocupando várias funções (atualmente presidente do TSE), deveria ter mais domínio sobre seus rompantes de justiceiro. Pelo visto considera-se uma figura mítica, lendária, inatingível, o que os fatos estão provando que ele não é. Está na hora de ele aceitar essa condição e curar suas feridas, causadas pelas críticas feitas à sua atuação no STF, sem tentar obter indenizações que não lhe cabem, uma vez que nenhum dano sofreu, além de alguns arranhões em seu ego (Super Ego), resultantes das críticas que recebe constantemente.
Décio Adams, IWA Elite
O título desse post traduz de forma cabal o conteúdo do arrazoado e da sentença da Exma. Sra. Juiza, proferida em data de ontem. O Ministro Gilmar Mendes, há tantos anos militando no STF, ocupando várias funções (atualmente presidente do TSE), deveria ter mais domínio sobre seus rompantes de justiceiro. Pelo visto considera-se uma figura mítica, lendária, inatingível, o que os fatos estão provando que ele não é. Está na hora de ele aceitar essa condição e curar suas feridas, causadas pelas críticas feitas à sua atuação no STF, sem tentar obter indenizações que não lhe cabem, uma vez que nenhum dano sofreu, além de alguns arranhões em seu ego (Super Ego), resultantes das críticas que recebe constantemente.
Beth Muniz Elite
O post e, mais do que ele, a charge magnífica do Bessinha deram origem a uma furiosa ação judicial do Ministro Gilmar Mendes, que, aliás, tem o hábito de processar jornalistas na Justiça.

(Hábito de processar e perder. Veja na aba "Não me calarão" e contemple essa obra bernínica "Galeria de Honra Daniel Dantas" sobre os que processam o ansioso blogueiro, que, como se sabe, adota o princípio de vida "diz-me quem te processa e dir-te-ei quem és".)

Não é a primeira vez que a Justissa se manifesta indignada com o humor implacável do Bessinha.

Também o inesquecível Procurador Geral Roberto Gurgel vituperou contra o Bessinha, mas não chegou às vias de fato, quer dizer, a uma ação judicial...

O ansioso blogueiro e o Bessinha, sob a batuta da Dra. Fernanda Massad, aplicaram uma exemplar surra no Ministro Gilmar Mendes.

Outras, de maior magnitude, ainda estão por vir...

Note-se que a destemida Juíza Indiara Arruda de Almeida Serra cita histórica decisão - também na aba "não me calarão" - do Ministro decano Celso de Mello, proferida numa vitória do ansioso blogueiro contra o notório ínclito banqueiro.
GRAÇA VIEIRA
Na verdade a coisa por lá está pegando fogo... Está sendo processada pelo irmão do reitor. Acabei de fazer um post sobre a médica do trabalho que "melou" a operação abafa da polícia. Tiraram ela de lá para ver se arrefecem os ânimos... Claro que procuram passar a impressão de que ganhou um prêmio. Acho que para esses fascistas, saírem do Sul para o Nordeste, é algo meio complicado.
Ela ganhou um prêmio em vez de ser punida. Barbaridade.
Décio Adams, IWA Elite
Ela ganhou um prêmio em vez de ser punida. Barbaridade.
A metida a delegada mas na verdade uma criminosa, já foi transferida de SC para Aracaju. Vamos ver o que vai aprontar por lá.
GRAÇA VIEIRA
A metida a delegada mas na verdade uma criminosa, já foi transferida de SC para Aracaju. Vamos ver o que vai aprontar por lá.
(...) Em 31 de outubro, [o irmão de Cau] Acioli Antônio e o advogado Hélio Rubens Brasil estiveram com o ministro da Justiça e Segurança Pública, Torquato Jardim, a quem entregaram uma petição de seis páginas pedindo a instauração de “procedimento administrativo para apurar a responsabilidade da delegada Érika Mialik Marena pelos abusos e excessos cometidos na denominada Operação Ouvidos Moucos”. (...) Na PF, segundo o Ministério da Justiça, a corregedoria abriu procedimento para verificar a notícia-crime descrita na petição da família. O procedimento está sendo analisado pelo Núcleo de Polícia Judiciária. Ao fim da análise, que está em fase de execução, haverá um parecer sobre a existência do crime. A depender do que diga o parecer, abre-se um inquérito sobre a delegada. (...)
Beth Muniz Elite
(...) Em 31 de outubro, [o irmão de Cau] Acioli Antônio e o advogado Hélio Rubens Brasil estiveram com o ministro da Justiça e Segurança Pública, Torquato Jardim, a quem entregaram uma petição de seis páginas pedindo a instauração de “procedimento administrativo para apurar a responsabilidade da delegada Érika Mialik Marena pelos abusos e excessos cometidos na denominada Operação Ouvidos Moucos”. (...) Na PF, segundo o Ministério da Justiça, a corregedoria abriu procedimento para verificar a notícia-crime descrita na petição da família. O procedimento está sendo analisado pelo Núcleo de Polícia Judiciária. Ao fim da análise, que está em fase de execução, haverá um parecer sobre a existência do crime. A depender do que diga o parecer, abre-se um inquérito sobre a delegada. (...)
Beth Muniz Elite
Barata Filho e Lélis Teixeira são alvos da Operação Ponto Final, um desdobramento da Lava Jato no Rio de Janeiro.
Os dois são suspeitos de envolvimento em um esquema de corrupção que atuou no setor de transportes do RJ, com a participação de empresas e políticos do estado, que teria movimentado R$ 260 milhões em propina.
Décio Adams, IWA Elite
Mas isso é um espanto. Crescer 0,1% e nada, não faz diferença alguma. Quem entende um pouquinho que seja de estatística, sabe que essas variações tão pequenas são insignificantes, não refrescam nada, mas nada mesmo.
Beth Muniz Elite
Tacla Durán confirmou ter trocado mensagens com o compadre do juiz Sérgio Moro, Carlos Zucolotto Júnior, que dizia ter influência para garantir vantagens a Durán se ele fechasse acordo com o MPF.

A multa aplicada a Durán, pela promessa de Zucolotto, cairia de U$ 15 mi para U$ 5 mi e o regime de prisão passaria de fechado a domiciliar, segundo as mensagens.

A compensação seria dada num pagamento “por fora”, de U$ 5 milhões, que Zucolotto disse ser necessário porque “tenho que resolver o pessoal que vai ajudar nisso”.
Beth Muniz Elite
O Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro cresceu 0,1% no terceiro trimestre deste ano, na terceira alta seguida na comparação com os três meses anteriores. Os dados foram divulgados nesta sexta-feira (1º) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Em valores correntes, o PIB alcançou R$ 1,6 trilhão.
Beth Muniz Elite
"Meu objetivo era expor para todos que ali conosco viajava um criminoso, um corrupto assumidamente criminoso, e dizer, na verdade resgatar, através das próprias falas dele, as formas como ele costuma negociar os nossos direitos. Ele foi baixo, tentou me desestabilizar me chamando de petista, como se isso fosse o motivo para eu estar atacando-o. Tentou desmoralizar os meus argumentos e, agressivamente, tentou tirar o celular da minha mão. Achei que a reação dele foi digna do crápula que ele é e teria sido muito pior, caso as pessoas não tivessem saído em minha defesa", relata Rúbia.
Elogiada pelos passageiros no voo e agora por internautas de todo o Brasil pela coragem e garra, ela está muito orgulhosa com a repercussão dos fatos: "estou emocionada com o retorno das pessoas. Eu quero dizer com esse vídeo que a gente não pode e não deve nunca perder a capacidade de se indignar. O nosso país está na lama e nós precisamos nos tornar protagonistas da nossa história. Chega de esperar que eles tenham piedade de nós, eles jamais terão. Essa luta é nossa e é todo dia! Quero aproveitar para fazer um chamado à Greve Geral do dia 05/12: vamos parar este país, não temos mais condições de continuar neste caminho. Avante!".
Beth Muniz Elite
A parlamentar se disse honrada por ter sido expulsa "por pessoas que não servem ao país, mas que se servem do país em benefício próprio". "Vou colocar [a expulsão] em moldura dourada. Essa cúpula que me expulsou vai fazer com que o PMDB se transforme não só em bandido, mas também em maldito diante dos olhos da sociedade brasileira".

Kátia Abreu também acusou o PMDB de Tocantins, estado que representa na Casa Legislativa, de corrupção, e afirmou que o PMDB que a expulsou não reúne condições morais e virou escárnio da nação".

A senadora enumerou motivos que teriam levado o PMDB a expulsá-la. Ela ironizou episódios do partido, citando a mala com R$ 51 milhões encontrada em um apartamento de Salvador que, segundo investigações do Ministério Público Federal e da Polícia Federal, foi utilizado pelo então ministro da Secretaria de Governo de Temer, Geddel Vieira Lima.
No link:
Kátia Abreu:
Décio Adams, IWA Elite
Pessoas completamente inocentes, tem seus nomes e documentos usados indevidamente por políticos bandidos para encobrir suas fraudes e falcatruas. Uma vergonha sem tamanho.
Beth Muniz Elite
As empresas, então, informaram que os telefones pré-pagos estavam registrados em nome de duas pessoas diferentes:

Laércio de Oliveira, agricultor que trabalha no cultivo de café em fazendas do interior de Minas

Mitil Ilchaer Silva Durao, montador de andaimes com endereço registrado no Espírito Santo

Ao G1, o advogado Alberto Toron, responsável pela defesa de Aécio, afirmou, nesta terça-feira (28), que não poderia comentar as conclusões do relatório da PF porque não teve acesso ao documento.

Além disso, o criminalista destacou que, “para responder qualquer coisa”, teria que consultar o cliente dele.

“Eu não tive acesso ao documento. Para responder qualquer coisa, teria que consultar Aécio para ter meios de responder. Sem falar com ele, é absolutamente impossível responder qualquer coisa a esse respeito”, disse Toron.
Beth Muniz Elite
As empresas, então, informaram que os telefones pré-pagos estavam registrados em nome de duas pessoas diferentes:

Laércio de Oliveira, agricultor que trabalha no cultivo de café em fazendas do interior de Minas

Mitil Ilchaer Silva Durao, montador de andaimes com endereço registrado no Espírito Santo

Ao G1, o advogado Alberto Toron, responsável pela defesa de Aécio, afirmou, nesta terça-feira (28), que não poderia comentar as conclusões do relatório da PF porque não teve acesso ao documento.

Além disso, o criminalista destacou que, “para responder qualquer coisa”, teria que consultar o cliente dele.

“Eu não tive acesso ao documento. Para responder qualquer coisa, teria que consultar Aécio para ter meios de responder. Sem falar com ele, é absolutamente impossível responder qualquer coisa a esse respeito”, disse Toron.
Beth Muniz Elite
Em dezembro de 2011, a revista Veja usou uma capa para atacar José Dirceu, o PT e o deputado Rogério Correia como “assessores” de um falsário. Foi alimentada pela turma de Aécio Neves e seus arapongas. Só que a lista em questão, a de Furnas, era verdadeira, conforme atestou laudo da Polícia Federal. Quanto ao conteúdo da lista em si, pelo menos três dos citados de fato receberam o dinheiro atribuído a eles — inclusive Roberto Jefferson, o delator do mensalão petista...
Beth Muniz Elite
Em dezembro de 2011, a revista Veja usou uma capa para atacar José Dirceu, o PT e o deputado Rogério Correia como “assessores” de um falsário. Foi alimentada pela turma de Aécio Neves e seus arapongas. Só que a lista em questão, a de Furnas, era verdadeira, conforme atestou laudo da Polícia Federal. Quanto ao conteúdo da lista em si, pelo menos três dos citados de fato receberam o dinheiro atribuído a eles — inclusive Roberto Jefferson, o delator do mensalão petista...
Beth Muniz Elite
Em dezembro de 2011, a revista Veja usou uma capa para atacar José Dirceu, o PT e o deputado Rogério Correia como “assessores” de um falsário. Foi alimentada pela turma de Aécio Neves e seus arapongas. Só que a lista em questão, a de Furnas, era verdadeira, conforme atestou laudo da Polícia Federal. Quanto ao conteúdo da lista em si, pelo menos três dos citados de fato receberam o dinheiro atribuído a eles — inclusive Roberto Jefferson, o delator do mensalão petista...
Beth Muniz Elite
O Sinait integra as duas entidades e contou com a participação de dirigentes da entidade e Auditores-Fiscais do Trabalho do Distrito Federal. Além do presidente Carlos Silva, e da vice Rosa Jorge, estiveram presentes os diretores Hugo Carvalho e Marco Aurélio Gonsalves, e os Auditores-Fiscais do Trabalho do DF Elizabeth Maroja, Isis Amazonas e Luiz Carlos Schwartz....
Clovis Sena
vai terminar retirando das empresas a responsabilidade de repassar o valor da previdencia (ou reduzir este valor, baranteando mais a m]ão de obra) e deixar o pepino nas costas do trabalhador

vai pagar menos, e a peaozada que se lasque como puder pra pagar por sua conta, se quiser se aposentar, e se não quiser se aposentar ai não precisa pagar, pode ficar com o dinheiro, mas perde todos os direitos da securidade social...

que bomzinhos..
Beth Muniz Elite
Você concorda em punir Trabalhadores e não Sonegadores?

Você concorda em cortar direitos dos Aposentados e não Privilégios dos Políticos?

Se você NÃO concorda com nada disso, também é CONTRA a reforma da previdência.

E já sabia.

Previdência, sem enfrentar as causa reais NÃO haverá o Amanhã.
Beth Muniz Elite
Com a mudança, o próprio funcionário deverá ser o responsável pela diferença entre a contribuição e o mínimo exigido pela Previdência Social

Em O Dia

Brasília – A Receita Federal divulgou nesta segunda-feira, as regras para o recolhimento da contribuição previdenciária dos trabalhadores intermitentes cujo rendimento mensal ficar abaixo do salário mínimo.

Esta é uma situação inédita no País que pode ocorrer com aplicação das normas previstas na reforma trabalhista.
Beth Muniz Elite
“Diante deste governo que está governando o Brasil, tenho muita convicção de que essas pessoas estão, provavelmente, cobertas de razão”.
Beth Muniz Elite
- Marcos Valério disse à nobre deputada: "você não tem medo de morrer?"

- "Temer é corrupto!"

- "Estou envergonhada. O Aécio me fez de boba!"

Em tempo: talvez venha ao caso lembrar do que o Mineirinho disse ao Joesley: depois a gente arranja um delator que a gente possa matar - PHA
Beth Muniz Elite
O deputado Arthur Maia (PPS-BA), relator da reforma da Previdência, apresenta novo texto aos deputados durante jantar com o presidente Michel Temer no Palácio da Alvorada.

Trata-se de texto mais “enxuto” e, na visão do Planalto, com mais viabilidade de ser aprovado antes do recesso parlamentar, pela Casa. A ideia é tentar votar a matéria, em 1º turno, até o dia 6 de dezembro.
Beth Muniz Elite
Alterações no texto

Na emenda aglutinativa, as contribuições sociais não serão mais submetidas à DRU. Além disso, o tempo mínimo de contribuição para aposentadoria no Regime Geral de Previdência Social (RGPS) foi diminuído de 25 para 15 anos.

O tempo mínimo de contribuição para aposentadoria do servidor público, no Regime Próprio de Previdência dos Servidores (RPPS) permaneceu em 25 anos.

A regra de cálculo do benefício nos dois regimes ficou assim:

A regra de cálculo do benefício nos dois regimes ficou assim:
Beth Muniz Elite
Três anos de Lava-Jato transcorreram, mais de 200 pessoas foram presas e, por incrível que pareça, certos hábitos nefastos perduram intocáveis. A votação da medida provisória 795, prevista para esta semana, é a prova viva e escandalosa da constatação. Em tese, a MP vai "destravar" o setor petrolífero, abrindo espaço para a entrada de companhias estrangeiras com preços possivelmente mais competitivos. Mas, por trás de uma iniciativa que move o país para a frente, há outra que o arrasta para o atraso.

Um dos artigos da MP prevê um perdão da ordem de 40 bilhões de reais, segundo a conta de auditores da Receita, para empresas prestadoras de serviços da Petrobras e para a própria estatal, que ao longo de anos driblaram o Fisco. A aprovação da MP 795 equivalerá a mandar todo esse dinheiro de autuações para o ralo - o que já seria uma notícia ruim para um país que, com um déficit primário de 108 bilhões de reais, não pode se dar ao luxo de abrir mão de arrecadar. Mas o problema maior da MP é outro: segundo delação feita em 2016 por Cláudio Melo Filho, ex-diretor da Odebrecht, a empresa pagou 5 milhões de reais a representantes do governo por duas medidas provisórias que a MP 795 agora complementa. Em outras palavras, o problema da MP está menos no prejuízo que ela pode causar do que em sua origem - associada com a mancha da propina.
Beth Muniz Elite
No momento em que a Globo é acusada, no escândalo da Fifa, de pagar propinas para adquirir direitos de transmissão de competições, o site Diário do Centro do Mundo mostra como a emissora conseguiu renovar sua concessão mesmo devendo à Receita; "Em 2007, ano em que o processo de sonegação da Globo foi subtraído da Delegacia da Receita Federal em Ipanema, Rio de Janeiro, a emissora teve as cinco principais concessões do grupo vencidas – São Paulo, Rio de Janeiro, Recife, Brasília e Distrito Federal. Apesar de devedora, a TV Globo teve as cinco concessões renovadas por um período de quinze anos (até 2022)", diz o texto do DCM
17 de Novembro de 2017 às 11:24 //
Beth Muniz Elite
Valor mais alto.

Nesse grupo de deputados cassados, o valor mais alto, de R$ 23.344,70, é pago ao ex-deputado Roberto Jefferson (PTB-RJ), pivô do escândalo do mensalão petista e que acabou cassado em 2005.
Beth Muniz Elite
Pois não é...
kakakakakakaka
Vamos ver como o sistema judiciário do Tio Sam vai tratar isso.
Porque o daqui, nem Tchã e nem Tchum, claro.
o que? a Globo não, vcs devem estar confundindo com o PT, a Globo é santinha... deve ser coisa daquele fio de uma egua do Lula, só pode ser, foi ele que trouxa a copa pro Brasil então esta corrupção é dele, e o Moro deve abrir mais um processo contra o Lula pela corrupção na FIFA e na copa do mundo.

kkkkkkkkkkk

a globo é a mãe de todas as corrupções, ela abençoa uns e detona outros...

lembra quando ela ajudou a detonar um ministro por causa de uma tapioca??? pois é, isto é que é corrupção!

enquanto outros, correm malas de diheiro e ela fiunge que não vê...
Clovis Sena
o que? a Globo não, vcs devem estar confundindo com o PT, a Globo é santinha... deve ser coisa daquele fio de uma egua do Lula, só pode ser, foi ele que trouxa a copa pro Brasil então esta corrupção é dele, e o Moro deve abrir mais um processo contra o Lula pela corrupção na FIFA e na copa do mundo.

kkkkkkkkkkk

a globo é a mãe de todas as corrupções, ela abençoa uns e detona outros...

lembra quando ela ajudou a detonar um ministro por causa de uma tapioca??? pois é, isto é que é corrupção!

enquanto outros, correm malas de diheiro e ela fiunge que não vê...
“2015 vai entrar na história do futebol brasileiro como um grande ano. O ano em que há poucas semanas o presidente José Maria Marin passou o bastão para o presidente Marco Polo. Presidente Marin, em nome do grupo Globo, em meu nome, eu gostaria de agradecer todo o carinho, toda a atenção com a qual o senhor sempre nos brindou, sempre aberto a discutir os temas que interessam ao futebol brasileiro, dos quais me permito destacar, o novo formato da Copa do Brasil, que deu mais charme a essa competição promovida pela CBF, que é a verdadeira competição do futebol brasileiro”. Marcelo Campos Pinto, em nome dos irmãos Marinho, em cerimônia pública
Beth Muniz Elite
Numa simples busca na internet há vídeos com material da própria Globo que podem ajudar e emissora a concluir que podemos sim estar diante de uma pessoa misógina e racista.

Alguns episódios são emblemáticos: quando ele chamou a colega Zelda Mello de Zelda “Merda”, numa transmissão ao vivo. Ou quando corrigiu a colega Zileide Silva no ar, na hora do boa noite.

Aliás, vale a pena perguntar à Zileide (mulher e negra) porque ela treme toda vez que tem que encarar o William.

Uma história que só ela pode contar um dia, se achar que vale a pena.

Num caso recente, durante as Olimpíadas do Rio, Waack foi confrontado por outra mulher, a colega do esporte, Cris Dias, com quem tinha nítido estranhamento.

Naquela ocasião a emissora pôs panos quentes e ficou por isso mesmo.
Beth Muniz Elite
“2015 vai entrar na história do futebol brasileiro como um grande ano. O ano em que há poucas semanas o presidente José Maria Marin passou o bastão para o presidente Marco Polo. Presidente Marin, em nome do grupo Globo, em meu nome, eu gostaria de agradecer todo o carinho, toda a atenção com a qual o senhor sempre nos brindou, sempre aberto a discutir os temas que interessam ao futebol brasileiro, dos quais me permito destacar, o novo formato da Copa do Brasil, que deu mais charme a essa competição promovida pela CBF, que é a verdadeira competição do futebol brasileiro”. Marcelo Campos Pinto, em nome dos irmãos Marinho, em cerimônia pública
Beth Muniz Elite
O estudo apontou que a diferença salarial evolui conforme a escolaridade. Assim, os trabalhadores negros que não completaram o ensino médio ganhavam, em 2016, 92% do que recebiam os não negros com a mesma formação. Quando se analisam os que completaram o ensino-médio, verifica-se que o percentual é de 85% do salário de brancos e, para as pessoas negras com ensino superior, o salário é 65% com relação aos não-brancos.
Beth Muniz Elite
O ansioso blogueiro esperou alguns dias para ver se o PiG tinha prestado atenção à notável reportagem da Economist, a respeitável revista conservadora inglesa.

​Não.

O PiG não se cansa de reproduzir a Economist para defender esse tal de neolibelismo​ pinochetiano, ou para anunciar a queda do Maduro na Venezuela.

Mas, para esculhambar a delação premiada, a "plea bargain" de origem americana, como a Coca-Cola e o McDonald's, o PiG preferiu desconsiderar.

A Economist faz alguns (poucos) elogios ao Judge Murrow e à própria delação premiada.

Mas, mostra:
Beth Muniz Elite
85% dos brasileiros discordam da reforma da Previdência e 71% acham que não conseguirão se aposentar se a mudança das regras for aprovada.

No Sudeste, onde estão os maiores colégios eleitorais do País – São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro – foram encontrados os maiores percentuais de rejeição à Reforma da Previdência proposta por Michel Temer (PMDB-SP) e apoiada por parlamentares do PSDB, DEM, PP, PSD, PRB e PP.

Nesta região, onde vivem Temer, o governador Geraldo Alckmin (PSDB-SP) e o senador Aécio Neves (PSDB-MG), entre outros apoiadores da retirada de direitos da classe trabalhadora, 91% dos entrevistados são contra e 78% acham que se a Reforma da Previdência for aprovada, nunca se aposentarão.
Beth Muniz Elite
Inconformado com a pré-candidatura do senador Lindbergh Farias (PT) ao governo do Rio, o PMDB no estado passou a dar sinais contraditórios à presidente Dilma Rousseff. Nesta sexta-feira, um dia depois de se reunir com a presidente no Palácio da Alvorada, o governador Sérgio Cabral (PMDB) afirmou que o partido estará com Dilma na eleição de outubro. Por outro lado, o presidente estadual da sigla, Jorge Picciani, e outros parlamentares peemedebistas continuam pregando o rompimento da aliança nacional com o PT para apoiar o tucano Aécio Neves à Presidência.
Beth Muniz Elite
Estão ainda na lista de presos os principais nomes da cúpula da Federação das Empresas de Transportes de Passageiros do Estado do Rio (Fetranspor), Lélis Teixeira (presidente), José Carlos Lavouras e Jacob Barata Filho, todos alvos da primeira fase da Operação "Ponto Final", deflagrada em julho, e que haviam sido libertados por liminar do ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF).
Beth Muniz Elite
Eles tem uma aliança de pacto dos lobos: Se defendem até o fim.

Eu digo e repito sobre os brancos da classe alta, porque os brancos pobres (apesar de seus privilégios) sofrem e aprendem a lidar a duras penas (as vezes não), mas em sua maioria reconhecem o racismo e tentam rever suas posições.

Desejam aprender sobre as diferenças entre os brancos, leiam: Entre o Encardido, o Branco e o Branquíssimo, da querida Lia Vainer Schucman.

Nem todo branco é racista e nem todo branco entende seu privilegio em nossa sociedade.
Beth Muniz Elite
Esse é o amigo que dá gargalhadas da piada racista de William Waack

Trata-se de Paulo Sotero, um dos principais apoiadores do impeachment da ex-presidenta Dilma Rousseff em território norte-americano. Ele é diretor do Brazil Center no Woodrow Wilson Center, uma instituição dos Estados Unidos de estudos de geopolítica que levou Moro e Janot aos EUA, diversas vezes para falar sobre: Lava Jato e o Brasil.

Além desses eventos públicos ele organizou reuniões privadas para o juiz Sérgio Moro nos EUA, especialmente Washington.
Beth Muniz Elite
Esse é o amigo que dá gargalhadas da piada racista de William Waack

Trata-se de Paulo Sotero, um dos principais apoiadores do impeachment da ex-presidenta Dilma Rousseff em território norte-americano. Ele é diretor do Brazil Center no Woodrow Wilson Center, uma instituição dos Estados Unidos de estudos de geopolítica que levou Moro e Janot aos EUA, diversas vezes para falar sobre: Lava Jato e o Brasil.

Além desses eventos públicos ele organizou reuniões privadas para o juiz Sérgio Moro nos EUA, especialmente Washington.
Clovis Sena
kkkkkkkkkkkkkkk

esta foi a melhor da semana!!!!

Beth Muniz Elite

Fazem sim...
Só não querem é encarar a realidade!
Bando de corruptos!
este povo (as zelite) vive em outro planeta, e não faz a minima ideia de como o povão faz para sobreviver ganhando salário minimum...

pra ela ser escravo é ganhar 30 e poucos mil contos. o povao tambem queria ser escravo deste jeito..
Clovis Sena
este povo (as zelite) vive em outro planeta, e não faz a minima ideia de como o povão faz para sobreviver ganhando salário minimum...

pra ela ser escravo é ganhar 30 e poucos mil contos. o povao tambem queria ser escravo deste jeito..
Beth Muniz Elite
Resposta: Una delas é quando uma mulher negra, magistrada (ela é desembargadora aposentada), idosa e com poder para combater a situação de escravidão moderna, se preocupa apenas em acumular salários.

Quem é ela: Pelo poder do Golpe eleitoral concedido ao Temer, ela é a ministra de Direitos Humanos, Luislinda Valois. Que ironia! Que vergonha! Quanta falta de pudor social!

O motivo: Ela precisa comprar mais roupas e maquiagem, para exercer a função pública.

Isso é o que se pode chamar na área dos direitos humanos de dignidade da pessoa humana?
Beth Muniz Elite
No entanto, o show foi impedido de acontecer, após a juíza Ida Inês Del Cid, da 2ª Vara da Fazenda Pública de São Bernardo do Campo, aceitar a ação civil pública apresentada pelo Ministério Público estadual pedindo a proibição da apresentação.

O argumento da magistrada em sua decisão é que o “brilhantismo” do cantor Caetano Veloso atrairia “muitas pessoas para o local, o que certamente colocaria em risco estas mesmas”. A juíza também determinou uma multa de R$ 500 mil caso a ordem fosse descumprida.

Diante da proibição, Caetano Veloso, Sônia Braga, Criolo, Aline Moraes, Emicida, Letícia Sabatela e Marina Person participaram de uma manifestação em apoio à ocupação e à marcha desta terça.

“Manobras foram realizadas para que esse show não acontecesse, mas estamos aqui. Estamos juntos com vocês”, afirmou Caetano Veloso durante o ato. “Vocês são exemplos nesse momento que o país está passando por tudo isso. Vocês são a força da esperança”, disse Letícia Sabatella.

O Brasil de Fato acompanhará a chegada da marcha a São Paulo. Acompanhe!
Beth Muniz Elite
Sete pessoas morrem por hora no Brasil!

É um genocídio.

Os pobres que se lixem!

O número de mortes violentas, intencionais, por ano, equivale a uma bomba atômica em Hiroshima: 62 mil!

Todos os indicadores pioraram em 2016, quando os canalhas, canalhas, canalhas, na acepção do Requião e do Lindbergh cortaram 10% dos gastos federais em segurança e reduziram em 31% os repasses ao Fundo Nacional de Segurança Pública.

(E o arruaceiro do Ministro da Defesa - defesa de quem? - vai ao Rio fazer campanha para governador.)

O número de mortos pela polícia aumentou.

O número de policiais mortos aumentou.
Beth Muniz Elite
Foi saudado aos gritos de corrupto, ladrão e filha da...
Beth Muniz Elite
E os Coxinhas, agora, só escrevem sobre culinária, ou, tentam disfarçar para passar a ideia de que não compactuaram com o golpe que levou os corruptos ao Planalto!
Beth Muniz Elite
Doleiro era Toni Messer, herdeiro de um banco falido que montou uma casa de câmbio. Foi ele quem lhe apresentou a tecnologia de fazer dinheiro vivo com boleto de supermercado. Quando o ex-deputado Eduardo Cunha lhe pedia uma bolada de uma hora para outra, era a Toni que Funaro recorria. Os donos de supermercado eram clientes de sua casa de câmbio. Quando a demanda de dinheiro em espécie aparecia, Toni repassava os boletos a Funaro, que os pagava e recebia a mala. A operação rendia uma taxa aos supermercados, emissores dos boletos. Foi assim, na boca do caixa, que Funaro garantiu os acordos de Cunha nas horas derradeiras do impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff.

Funaro é um velho conhecido da Polícia Federal e do Ministério Público. E também a melhor prova de que o instrumento da delação é um cobertor curto. Operador do mensalão e dos esquemas desvendados na operação Satiagraha, Funaro já havia sido preso e feito outros acordos de delação antes de ser pego na Lava-jato. O que o distingue na fauna de deliquentes é sua capacidade de recriar veredas financeiras para organizações criminosas na política e no mercado.
Beth Muniz Elite
A magnífica jornalista Maria Cristina Fernandes leu a delação do Lúcio Funaro e entrou no covil em que se abrigam os que assaltaram o Poder.

É o que está no Valor dessa sexta-feira 27/X:
Décio Adams, IWA Elite
As condições de vida sub-humanas a que muitos desses moradores são sujeitos, é o "caldo" apropriado para o crescimento e disseminação de semelhantes doenças. E elas não perdoam, matam sem a menor consideração.
Décio Adams, IWA Elite
O juiz, muito antes de ser juiz, foi e é um cidadão com os mesmos direitos que os demais, especialmente quando está fora do seu ambiente de trabalho. Evidente que se espera dele um comportamento ético e moral à altura da função pública que exerce. Porém, nada o deve impedir de manifestar livremente sua opinião, qundo está em jogo uma decisao política de tamanha envergadura.
O julgamento marca a opção política do Conselho. Os quatro magistrados foram acusados de violar a lei da magistratura por participarem em carro de som do ato Funk Contra o Golpe, promovido pela Furacão 2000, na praia de Copacabana em plena efervescência da discussão do processo de impeachment, apontado por inúmeros intelectuais, movimentos sociais e entidades de direitos humanos como um golpe parlamentar.

O contexto político de atos envolviam também manifestações favoráveis ao impeachment com presença de juízes. Apenas para citar um exemplo, em um ato que ficou conhecido pela postura de Janaína Paschoal pedindo a “morte da república da cobra”, magistrados subiram no palanque para discursar.

Newton de Lucca, desembargador do TRF-3, por exemplo, chegou a puxar coro da multidão contra o ex-presidente Lula.
Beth Muniz Elite
O julgamento marca a opção política do Conselho. Os quatro magistrados foram acusados de violar a lei da magistratura por participarem em carro de som do ato Funk Contra o Golpe, promovido pela Furacão 2000, na praia de Copacabana em plena efervescência da discussão do processo de impeachment, apontado por inúmeros intelectuais, movimentos sociais e entidades de direitos humanos como um golpe parlamentar.

O contexto político de atos envolviam também manifestações favoráveis ao impeachment com presença de juízes. Apenas para citar um exemplo, em um ato que ficou conhecido pela postura de Janaína Paschoal pedindo a “morte da república da cobra”, magistrados subiram no palanque para discursar.

Newton de Lucca, desembargador do TRF-3, por exemplo, chegou a puxar coro da multidão contra o ex-presidente Lula.
Beth Muniz Elite
Hein, Cecília?

O maior problema da Rocinha é tuberculose!

O Rio NÃO é a cidade mais violenta do Brasil, apesar dos esforços da Globo Overseas de caracterizá-la como uma soma de Faixa de Gaza com Mosul.

O Rio é a 23a cidade mais violenta do Brasil.

Natal é a mais violenta...

Mas, a Malan provavelmente não sabe se Natal fica no Rio Grande do Norte ou do Sul...

Febre amarela, tuberculose, doenças do Século XIX.(A maior doença do Século XX foi a Globo!)
Beth Muniz Elite
O Conversa Afiada mostrou, a partir de artigo de Fernando Brito, que o apagão que a Cegonhóloga (à época, Urubóloga) projetava em 2014 chegou... depois do Golpe!

Parabéns, Míriam!

A diferença é que, ao contrário do que ela fazia no Mau Dia Brasil durante a campanha eleitoral de 2014, desta vez não há o clima de terror, nem as manchetes apocalípticas.

O nível dos reservatórios, em termos nacionais, é dramático!

(e só é não é pior porque o parque eólico inaugurado nos Governos do PT já chega próximo a 10% de toda a geração nacional).

E, agora, a Aneel eleva em mais de 40% o valor da bandeira vermelha - a "novidade" já vale para novembro:
Beth Muniz Elite
Afinal, na República de Curitiba é assim: cabe à defesa o ônus da prova.

O Conversa Afiada reproduz, de modo não-literal, as principais declarações de Cristiano Zanin Martins, que esteve ao lado de Valeska Martins nesta coletiva:

- esses documentos têm a declaração do locador de que está dando quitação a Dona Marisa

- a declaração de quitação é a prova mais plena de pagamento de um valor de locação

- hoje, com a entrega da via original desses recibos com declaração expressa de quitação, estamos fazendo a prova de que os aluguéis foram pagos

- não há outra forma de interpretar esses recibos

- é uma prova inequívoca

- esta ação penal trata de dois imóveis que, segundo o MPF, teriam sido adquiridos com valores provenientes de contratos firmados entre a Petrobras e empreiteiras

- até hoje, nenhuma prova foi apresentada de que recursos oriundos desses contratos tenham sido utilizados

- foram ouvidas 98 pessoas em 35 audiências... e nenhuma prova foi feita

- a questão da locação foi INSERIDA no processo

- e nenhuma pergunta sobre Petrobras foi feita naquela audiência...

- substituíram o foco da ação: saíram dos contratos citados na denúncia para uma relação privada de locação

- a primeira versão apresentada na imprensa era de que esses recibos teriam sido assinados de uma só vez

- no entanto, essa versão jamais foi formalizada no processo

- a versão oficial também foi desmentida pelo Hospital Sírio Libanês, que colocou uma pá de cal nessa história

- além de não haver qualquer demonstração do uso de valores da Petrobras destinados a Lula, temos também que a relação de locação que foi colocada de forma artificial no processo também está esclarecida
Beth Muniz Elite
O STF acaba de derrubar a Portaria 11.29/2017, em caráter liminar.
Vamos aguardar a decisão do mérito, que espero, mantenha a decisão da ministra Rosa Weber.
https://g1.globo.com/politica/noticia/rosa-weber-suspende-em-liminar-portaria-sobre-trabalho-escravo.ghtml
Beth Muniz Elite
Em resposta a si própria   (Mostrar comentário)
O texto afirma que a MP do governo tucano “atingiu de morte” a “visão sistêmica e integrada” da seguridade social, retirando a possibilidade de “compensação financeira” entre os seus três pilares principais: a saúde a previdência e a assistência social.

“Houve a efetiva desintegração das três áreas. Saúde, Previdência Social e Assistência Social ganharam uma perversa autonomia tanto financeira quanto de gestão. Entendemos perversa, visto que, tal autonomia provocou o desmembramento das áreas, em detrimento de uma ação coordenada e sistêmica”, explicou no relatório. “O chamado Orçamento da Seguridade Social, previsto na Carta Maior, passou a ser apenas uma peça demonstrativa sem qualquer utilidade estratégica”, argumentou.

“Trabalhamos seis meses e mostramos que, de fato, não há necessidade nenhuma de fazer uma reforma da Previdência. O que precisa é parar de fazer renegociações de dívidas, parar de dar anistia para os devedores”
Beth Muniz Elite
O texto afirma que a MP do governo tucano “atingiu de morte” a “visão sistêmica e integrada” da seguridade social, retirando a possibilidade de “compensação financeira” entre os seus três pilares principais: a saúde a previdência e a assistência social.

“Houve a efetiva desintegração das três áreas. Saúde, Previdência Social e Assistência Social ganharam uma perversa autonomia tanto financeira quanto de gestão. Entendemos perversa, visto que, tal autonomia provocou o desmembramento das áreas, em detrimento de uma ação coordenada e sistêmica”, explicou no relatório. “O chamado Orçamento da Seguridade Social, previsto na Carta Maior, passou a ser apenas uma peça demonstrativa sem qualquer utilidade estratégica”, argumentou.

“Trabalhamos seis meses e mostramos que, de fato, não há necessidade nenhuma de fazer uma reforma da Previdência. O que precisa é parar de fazer renegociações de dívidas, parar de dar anistia para os devedores”
Clovis Sena
passear pelo mundo gastando o dinheiro dos outros deve mesmo ser muito bom! Deve ser o Dória fazendo seus seguidores.
Beth Muniz Elite
À esquerda, governador Robinson Faria e primeira-dama Julianne Faria; no topo à direita, prefeito de Natal, Carlos Eduardo Alves, e a senadora Fátima Bezerra; embaixo, entre outros, o governador e os secretários de Turismo, Ruy Gaspar (de jaqueta), e de Metas, Vágner Araújo. Desses, com exceção da senadora Fátima Bezerra e do secretário Ruy Gaspar, todos viajaram às custas dos cofres públicos.
Beth Muniz Elite
O presidente Michel Temer assinou neste sábado (21) um decreto que permite descontos de até 60% nas multas ambientais. O valor restante é transformado em investimentos para recuperação de florestas. Ambientalistas temem que a medida possa atender interesses ruralistas.

Segundo Marcelo Cruz, ministro substituto do Meio Ambiente, a expectativa é que o decreto ajude a levantar R$ 4,6 bilhões para a pasta.

O deputado federal Sarney Filho, licenciado do cargo de ministro do Meio Ambiente, esteve em Miranda (MS), junto a Temer para a assinatura do decreto, e explicou as diretrizes de uso dos recursos.

O primeiro edital deve contemplar projetos das bacia dos rios São Francisco e do Paranaíba. O objetivo, segundo ele, é implantar medidas de conservação e recuperação de áreas como as microbacias que alimentam o rio São Francisco.
Beth Muniz Elite
"Após intenso trabalho de tratamento de informações", segundo relatórios, 1,7 milhão de arquivos foram analisados, sobretudo e-mails e planilhas do Drousys, sistema de comunicação usado pela Odebrecht para gerenciar propinas.

Conforme um dos relatórios, de 8 de setembro, a PGR encontrou no Drousys uma planilha chamada "programações semanais-2010", com uma ordem de pagamento de R$ 200 mil para "Fodão" na data de 27 de julho de 2010.

O arquivo foi criado em 2 de janeiro de 2007 e modificado pela última vez em 8 de novembro de 2010, segundo o perito. Outra planilha afirma que o pagamento dos R$ 200 mil foi efetivado em 3 de agosto de 2010 em Porto Alegre.
Beth Muniz Elite
Não por acaso, a primeira grande mudança legal depois do golpe foi o desmonte da Consolidação das Leis do Trabalho (CTL). Retrocesso, aliás, que os procuradores, ficais e juízes do trabalho já declaram que não irão aplicar, porque, como já é praxe em normas aprovadas por esse governo, contrariam a Constituição e tratados internacionais.

Depois de quase 30 anos de conquistas da cidadania, essas elites do atraso não conseguiriam impor tamanhos retrocessos pelos meios legítimos – em disputas eleitorais. Advertimos continuamente que foi para impor esse projeto ultraliberal que impetraram o golpe de Estado contra a presidenta legítima Dilma Rousseff.
Beth Muniz Elite
O tempo tem sido o senhor da razão, ao menos no caso da ex-presidenta Dilma Rousseff. Bastaram um ano e cinco meses, não mais, para ficarem claros os arranjos e negociatas que alicerçaram um processo de impeachment sem crime de responsabilidade. A mais recente e incontestável prova da tramoia a unir a oposição partidária, Michel Temer, o PMDB e o mercado, urdida sob o aplauso de uma parcela da sociedade e a apatia de outra, foi fornecida pelo doleiro Lúcio Funaro.
Beth Muniz Elite
"Sai o presidente não eleito do Brasil a dizer que vai liderar uma auditoria internacional contra o processo eleitoral. Tem moral o presidente golpista do Brasil para vir auditar o processo eleitoral da Venezuela? Daqui da Venezuela, dizemos: Fora, Temer!", disse Maduro durante a posse do novo governador do estado de Miranda, Héctor Rodríguez.
Décio Adams, IWA Elite
Mais uma personalidade de destaque, jogada na lama, tendo sua honra e dignidade reduzidas à pó. Não suportando a humilhação, buscou livrar-se da dor e sofrimento, somente pelo caminho errado da morte suicida. Não creio que realmente quisesse morrer. Deve ter sido movido pela imensa vontade de ter sua vida de volta, coisa que já não era mais possível, uma vez que haviam reduzido a cacos sua pessoa.
Preocupado em não descumprir a ordem judicial que o impedia de acessar documentos do caso em que foi envolvido e de voltar à Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) – à qual esteve ligado nos últimos 12 anos e desenvolveu uma “carreira meteórica” até ser eleito reitor – Luis Carlos Cancellier de Olivo, 59 anos, o Cau, isolou-se em casa, após deixar o presídio na tarde de sexta-feira, dia 15 de setembro. Temia, como admite seu irmão mais velho, Acioli, descumprir a ordem do juízo: “ele morava a cerca de 20 metros da universidade. Atravessava a rua e entrava na universidade. Ou seja, se atravessasse a rua descumpria a ordem e corria o risco de ser preso”, resume o primogênito da família, 67 anos, doutor em engenharia mecânica e aeronáutica pelo ITA que, mesmo aposentado, continua a residir em São José dos Campos (SP). Há uma semana, no domingo (08/10), durante a missa de sétimo dia em intenção do reitor, o padre William Barbosa Vianna se queixou de não ter tido acesso a Cau para lhe prestar assistência religiosa. Coordenador da Pastoral Universitária, ele é professor e chefe do Departamento de Ciências da Informação da UFSC.A revelação, feita na homilia do ato religiosos na capela ecumênica da UFSC, surpreendeu a muitos dos cerca de 200 presentes e foi interpretada por jornalistas como se a proibição tivesse partido da Polícia Federal.
Décio Adams, IWA Elite
É algo incrível que, em pleno século XXI, no auge dos antibióticos, ainda tenhamos pessoas sofrendo e no final morrendo por causa de tuberculose. Se estivéssemos nos séculos XIX e anteriores, haveria como entender, por inexistirem na época os recursos medicinais para a cura. Mas hoje, isso é praticamente inadmissível.
Mas olhando as notícias governamentais na TV, somos bombardeados com manchetes grandiloquentes, exaltando o bom trabalho que os governantes fazem. Eles pensam que somos todos idiotas, inocentes ou completamente ignorantes? Só pode ser isso. De que adianta termos uma taxa de inflação forçada a nível ínfimo, quando nossos concidadãos suportam graves enfermidades e não são curados por falta de recursos financeiros para aquisição de medicamentos e locais com profissionais competentes para tratá-los? Nada, nada, nada...
Beth Muniz Elite
A “doença social” se alastra nas favelas da cidade com velocidade comparável à difusão nos presídios e entre moradores de rua.

A reportagem de Rafael Galdo e Daniel Marenco, no Globo Overseas deste domingo 15/X, mostra que a incidência da tuberculose nas favelas do Rio é maior do que no Congo e em Serra Leoa.

Mas, como diz Jessé Souza, um dos traços da Escravidão é a classe média não sentir a dor do outro.

Porque, como disse o Sociólogo desse colossal Golpe, o Farol de Alexandria, “o pessoal do sopão sempre vai existir”.

E dane-se!
Beth Muniz Elite
A “doença social” se alastra nas favelas da cidade com velocidade comparável à difusão nos presídios e entre moradores de rua.

A reportagem de Rafael Galdo e Daniel Marenco, no Globo Overseas deste domingo 15/X, mostra que a incidência da tuberculose nas favelas do Rio é maior do que no Congo e em Serra Leoa.

Mas, como diz Jessé Souza, um dos traços da Escravidão é a classe média não sentir a dor do outro.

Porque, como disse o Sociólogo desse colossal Golpe, o Farol de Alexandria, “o pessoal do sopão sempre vai existir”.

E dane-se!
Beth Muniz Elite
Preocupado em não descumprir a ordem judicial que o impedia de acessar documentos do caso em que foi envolvido e de voltar à Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) – à qual esteve ligado nos últimos 12 anos e desenvolveu uma “carreira meteórica” até ser eleito reitor – Luis Carlos Cancellier de Olivo, 59 anos, o Cau, isolou-se em casa, após deixar o presídio na tarde de sexta-feira, dia 15 de setembro. Temia, como admite seu irmão mais velho, Acioli, descumprir a ordem do juízo: “ele morava a cerca de 20 metros da universidade. Atravessava a rua e entrava na universidade. Ou seja, se atravessasse a rua descumpria a ordem e corria o risco de ser preso”, resume o primogênito da família, 67 anos, doutor em engenharia mecânica e aeronáutica pelo ITA que, mesmo aposentado, continua a residir em São José dos Campos (SP). Há uma semana, no domingo (08/10), durante a missa de sétimo dia em intenção do reitor, o padre William Barbosa Vianna se queixou de não ter tido acesso a Cau para lhe prestar assistência religiosa. Coordenador da Pastoral Universitária, ele é professor e chefe do Departamento de Ciências da Informação da UFSC.A revelação, feita na homilia do ato religiosos na capela ecumênica da UFSC, surpreendeu a muitos dos cerca de 200 presentes e foi interpretada por jornalistas como se a proibição tivesse partido da Polícia Federal.
Beth Muniz Elite
Para compartilhar esse conteúdo, por favor utilize o link http://www1.folha.uol.com.br/poder/2017/10/1927138-cunha-recebeu-r-1-mi-para-comprar-votos-do-impeachment-de-dilma-diz-funaro.shtml ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos da Folha estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização da Folhapress (pesquisa@folhapress.com.br). As regras têm como objetivo proteger o investimento que a Folha faz na qualidade de seu jornalismo. Se precisa copiar trecho de texto da Folha para uso privado, por favor logue-se como assinante ou cadastrado.
Beth Muniz Elite
rsrsrsrsrs

O problema é no cérebro mesmo!
esta cara de bruxa parece que esqueceu o vibrador ligado
Clovis Sena
esta cara de bruxa parece que esqueceu o vibrador ligado
Beth Muniz Elite
Ela leciona na Faculdade de Direito desde 2003 e concorreu com três colegas a duas vagas de titularidade — último degrau da carreira acadêmica — e ficou em quarto lugar.
Beth Muniz Elite
Reprovada no concurso para professora titular da Universidade de São Paulo (USP), uma das autoras do pedido de impeachment de Dilma Rousseff, Janaina Paschoal, vê “perseguição” no processo.

Ela leciona na Faculdade de Direito desde 2003 e concorreu com três colegas a duas vagas de titularidade — último degrau da carreira acadêmica — e ficou em quarto lugar.

Janaina entrou com recurso no qual pede a anulação da disputa e diz que o primeiro colocado apresentou um trabalho sem originalidade, um requisito para a aprovação.

“Não tenho como negar a perseguição, não é só política. É maior do que isso, é de valores mesmo”, afirmou Janaina.
Beth Muniz Elite
“É curioso São Paulo, a maior cidade do país, investir em uma política que é muito antiga, pelo menos 15 anos atrasada. É uma política que vai à contramão de tudo que a gente está produzindo para promover saúde”, afirmou Ana Carolina Feldenheimer, professora de Nutrição Social da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) e membro da Aliança pela Alimentação Adequada e Saudável.

Ana Carolina ressaltou que o país hoje vive um problema com a obesidade e não com desnutrição.

E considerou curioso a gestão Doria propor essa política, depois de alegar que reduziu itens da merenda escolar para combater a obesidade.

Assim como diminuiu a aquisição de produtos orgânicos distribuídos nas escolas.

“Alimentação não é só ter nutrientes disponíveis para a população. É ter alimentos saudáveis, frescos de boa qualidade, diferenciados. E não um refugo da sociedade para alimentar a população mais pobre”, afirmou.
Beth Muniz Elite
Os muito ricos no Brasil pagam pouco Imposto de Renda (IR) em relação ao que ganham. A alíquota do tributo direto cresce conforme o rendimento aumenta, mas somente de R$ 24,4 mil anuais até R$ 325 mil, quando atinge 12% dos ganhos. Quando a renda supera esse patamar, essa alíquota entra em trajetória de queda, chegando a 7% para quem ganha mais de R$ 1,3 milhão por ano. Estudo de Rodrigo Orair, do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), mostra que isso acontece porque a maior parte do rendimento dos mais ricos vem de lucros e dividendos, que são isentos de tributação para as pessoas físicas.

“Em média, o 0,05% mais rico (cem mil pessoas) paga menos imposto, proporcionalmente à sua renda, do que as cerca de 5,8 milhões de pessoas, incluindo frações da classe média-alta, que ganham acima de R$ 81,4 mil por ano”, diz o estudo. Para tornar o sistema mais justo e eficiente, especialistas afirmam que não basta criar alíquotas mais altas de Imposto de Renda: é preciso rever o complexo sistema tributário brasileiro.
Beth Muniz Elite
Crime contra o futuro

Para Fátima Bezerra, deixar à míngua os Institutos Federais de Educação é comprometer não só o futuro dos atuais e potenciais alunos. Ela lembrou que além de assegurar formação profissional e tecnológica a um milhão de jovens brasileiros, essa rede tem tido um papel fundamental na oferta de cursos de graduação superior, especialmente nas licenciaturas—na formação de novos professores.

“Quando lembramos o quanto precisamos de professores de química, de biologia, de matemática para atender às demandas de escolas de todo o País, nós percebemos a dimensão da importância dos institutos federais.

Investimento petista

A rede de Institutos Federais de Educação é a estrela de uma política de interiorização da educação pública levada a cabo ao longo de 13 anos de governos petistas.

Em 100 anos (de 1902 a 2002), o Brasil criou 140 escolas técnicas. Entre 2003 e 2016, Lula e Dilma construíram mais de 500 novas unidades, totalizando 644 campi em funcionamento.
Beth Muniz Elite
Crime contra o futuro

Para Fátima Bezerra, deixar à míngua os Institutos Federais de Educação é comprometer não só o futuro dos atuais e potenciais alunos. Ela lembrou que além de assegurar formação profissional e tecnológica a um milhão de jovens brasileiros, essa rede tem tido um papel fundamental na oferta de cursos de graduação superior, especialmente nas licenciaturas—na formação de novos professores.

“Quando lembramos o quanto precisamos de professores de química, de biologia, de matemática para atender às demandas de escolas de todo o País, nós percebemos a dimensão da importância dos institutos federais.

Investimento petista

A rede de Institutos Federais de Educação é a estrela de uma política de interiorização da educação pública levada a cabo ao longo de 13 anos de governos petistas.

Em 100 anos (de 1902 a 2002), o Brasil criou 140 escolas técnicas. Entre 2003 e 2016, Lula e Dilma construíram mais de 500 novas unidades, totalizando 644 campi em funcionamento.
Beth Muniz Elite
Agora, o nome do global está metido num imbroglio entre a Fecomércio-RJ e a Confederação Nacional do Comércio (CNC), por causa de palestras contratadas sem licitação e fora dos objetivos do Senac.

O caso deriva de uma auditoria na gestão de Orlando Diniz, amigo do ex-governador Sergio Cabral, que dirige o Senac-RJ e o SESC-RJ.

O relatório, publicado pelos repórteres George Marques e Ruben Berta no Intercept, pode levar à intervenção no Senac local se o Conselho Fiscal do Senac nacional considerar que houve irregularidades.

Segundo o Intercept, desde janeiro de 2016 o Senac do Rio já demitiu mais de mil funcionários.

O relatório da auditoria chama a atenção por várias dúvidas levantadas.

Uma das principais diz respeito aos gastos com propaganda.

Segundo os auditores, em 2015 o Senac-RJ gastou R$ 89,9 milhões em sua principal missão institucional, educação profissional, e R$ 74,5 milhões em eventos e publicidade.

Uma empresa de intermediação de publicidade recebeu R$ 91,1 milhões adiantados nos anos de 2015 e 2016.
Beth Muniz Elite
Essa não é a primeira condenação do candidato à presidência da República em 2018. No mês de agosto, a 3ª Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) rejeitou, por unanimidade, o recurso de Jair Bolsonaro (PSC-RJ), que contestava decisão do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT) por danos morais contra a deputada Maria do Rosário (PT-RS). Em 2014, da tribuna da Câmara, o parlamentar atacou a petista dizendo que não estupraria porque "ela não merece".
Maria de Lourdes "Emedelu"
Pra você tambem Beth! Um grande abraço!
Tudo de bom minha Amiga!
Beth Muniz Elite
Morto em 1997, Paulo Freire é um dos mais famosos pedagogos brasileiros e ficou marcadamente conhecido por defender uma educação voltada à "formação da consciência política”. Em sua obra máxima, Pedagogia do Oprimido, o intelectual reforça que a educação tem um papel fundamental para a superação da dicotomia social entre "opressores" e "oprimidos".

A lei que condecorou o pedagogo foi apresentada pela deputada federal Luiza Erundina (Psol-SP), em 2012. Em seu Facebook, ela diz que o projeto significa exilar, mais uma vez, Paulo Freire. "Espero que a sociedade se manifeste e impeça que essa iniciativa nefasta prospere, o que significaria condenar Paulo Freire ao exílio pela segunda vez. Isso não vamos permitir", publicou. Freire foi secretário da Educação na cidade de São Paulo, durante a gestão de Erundina como prefeita (1989-1992).

O instituto lembra que a obra do educador é respeitada internacionalmente, sendo considerada patrimônio da humanidade, em nível nacional e latino-americano, pelo Programa Memória do Mundo da Unesco.
Beth Muniz Elite
Ainda sobre as eleições do próximo ano, Braga ressalta que não presta serviços exclusivamente para o PSDB, afirma que a empresa tem sido "assediada por muita gente" e que está avaliando o mercado para 2018.
Décio Adams, IWA Elite
A posição dele é defender o Deles!
Nisso, até que são coerentes...
Postura abominável!
Valeu Décio!
Beth Muniz Elite
Luciano Huck é cortejado para ser candidato a presidente ou a vice pelo Dem, que no mesmo dia flerta com João Dória Junior, que contrata cinco softwares de manipulação de redes sociais para se promover, segundo a BBC.

É esse o capim ralo que brota da terra arrasada da política, calcinada pelos lança chamas das tropas de assalto de Curitiba.
Beth Muniz Elite
Pesquisa Ibope divulgada nesta quinta-feira (28) mostra os seguintes percentuais de avaliação do governo do presidente da República, Michel Temer (PMDB):

‣ Ótimo/bom: 3%
‣ Regular: 16%
‣ Ruim/péssimo: 77%
‣ Não sabe/não respondeu: 3%

O levantamento do Ibope, encomendado pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), foi realizado entre os dias 15 e 20 de setembro e ouviu 2 mil pessoas em 126 municípios.
Beth Muniz Elite
A posição dele é defender o Deles!
Nisso, até que são coerentes...
Postura abominável!
Valeu Décio!
E bastante incongruente a posição defendida por Temer. Por um lado tenta reduzir,comprimir os direitos dos trabalhad